Versos

Nada é em vão
se não é benção
é lição.

Existe uma beleza única
Em todas as suas imperfeições
Em cada centímetro da tua existência.

Tudo é infinito
há mais estrelas no céu do que tristeza na terra
algumas noites você vive
e outras só existe.

Me afoguei
na tua risada
no teu olhar
na tua boca
e a cada palavra.
Mas tu me ensinou a nadar.

Enquanto você for
o que os outros
querem que você seja
você não será ninguém.

É a forma de ver a vida
que faz dela
feia ou bonita.

Transbordei tanto
que afundei
em águas minhas.
Foi naufrágio do caos.

Eu me joguei no teu abismo,
você é a escuridão que eu quero explorar.

Você era um abismo,
quanto mais eu te amava,
mais eu afundava.

Eu não caibo em mim.
Ainda bem que tenho um mar inteiro
Em você
Para desaguar.

Mayara Benatti

Me jogando em abismos
Com a esperança
De criar asas.

A brasa que tu colocou sobre o meu peito
fez acender a poesia que há tempo dormia em mim.
Me fez queimar por dentro.

A vida é feita de muitas idas
Mas relaxa
Uma hora alguém chega pra fazer morada.

Mayara Benatti

você partiu
e eu ainda te queria
mas eu queria alguém
que quisesse ficar

Rupi Kaur