Amor antigo

O amor antigo vive de si mesmo
Não de cultivo alheio ou de presença.
Nada exige nem pede. Nada espera,
Mas do destino vão negar a sentença.
O amor antigo tem raízes fundas,
Feitas de sofrimento e beleza.
Por aquelas mergulha no infinito,
E por estas suplanta a natureza.
Se em toda parte o tempo desmorona
Aquilo que foi grande e deslumbrante,
O antigo amor, porém, nunca fenece
E a cada dia surge mais amante.
Mais ardente, mas pobre de esperança.
Mais triste? Não. Ele venceu a dor,
E resplandece no seu canto obscuro,
Tanto mais velho quanto mais amor.

0
Mensagens relacionadas
Sua presença me incentiva
Tenho notadoQue estou no caminho certoDesde o momento que vocêFinalmente apareceu Não sei bem o que éMas estou certo...
Desejo muito te conquistar
Navegar em teus sonhos e regar meus sentimentos comsua presença mais constante é o que mais desejo,desde que tive...
Anjo de minha vida
Mente quem diz: que os anjos só existem nos céus. Eles estão entre nós. Vestem-se de roupagens humanas, se...
De tudo que nada sei
Não saberia dizer quanto tempo… Não saberia dizer o porque… Não saberia entender… Não saberia explicar… Não saberia como...