Deprecated: O método construtor chamado para WP_Widget em gdttTermsCloud esta depreciado desde a versão 4.3.0! Utilize __construct() no lugar. in /var/www/belas/public/wp-includes/functions.php on line 5304

Deprecated: O método construtor chamado para WP_Widget em gdttTermsList esta depreciado desde a versão 4.3.0! Utilize __construct() no lugar. in /var/www/belas/public/wp-includes/functions.php on line 5304
40 frases de Pablo Neruda para sentir o amor como se fosse primavera

40 frases de Pablo Neruda para sentir o amor como se fosse primavera

Pablo Neruda é o pseudônimo de Ricardo Eliécer Neftalí Reyes Basoalto, um importante poeta chileno. Foi também embaixador na França e recebeu um Nobel de literatura em 1971. Em suas obras o amor é um tema recorrente e nos leva a sentir e refletir profundamente sobre o sentimento. Por isso, abra o coração e confira frases de Pablo Neruda.

Frases de Pablo Neruda para sentir o amor percorrer seu corpo

Amo-te como se amam certas coisas obscuras, secretamente, entre a sombra e a alma.

Amo-te como se amam certas coisas obscuras, secretamente, entre a sombra e a alma.

Dois amantes felizes não têm fim nem morte, nascem e morrem tanta vez enquanto vivem, são eternos como é a natureza.

Fica proibido chorar sem aprender. Levantar-se um dia sem saber o que fazer.

Sofre mais quem espera sempre ou quem nunca esperou ninguém?

Sofre mais quem espera sempre ou quem nunca esperou ninguém?

Se sou amado, quanto mais amado mais correspondo ao amor. Se sou esquecido, devo esquecer também, pois amor é feito espelho: tem que ter reflexo.

Te amo sem saber como, nem quando, nem onde, te amo diretamente sem problemas nem orgulho: assim te amo porque não sei amar de outra maneira.

A verdade é que não há verdade.

A verdade é que não há verdade.

E desde então, sou porque tu és. E desde então és, sou e somos... E por amor serei... Serás... Seremos...

Nega-me o pão, o ar, a luz, a primavera, mas nunca o teu riso, porque então morreria.

Poderão cortar todas as flores, mas não poderão deter a primavera.

Poderão cortar todas as flores, mas não poderão deter a primavera.

Fica proibido não fazeres as coisas para ti mesmo. Não fazeres o teu destino. Ter medo da vida e dos teus compromissos. Não viver cada dia como se fosse o último.

Saudade é amar um passado que ainda não passou. É recusar o presente que nos magoa. É não ver o futuro que nos convida.

É tão curto o amor, tão longo o esquecimento.

É tão curto o amor, tão longo o esquecimento.

Ainda que chova, ainda que doa. Ainda que a distância corroa as horas do dia e caia a noite sem estrelas, o mundo brilha um pouquinho mais a cada vez que você sorri.

Escrever é fácil. Você começa com uma letra maiúscula e termina com um ponto final. No meio você coloca ideias.

Você é livre para fazer suas escolhas, mas é prisioneiro das consequências.

Você é livre para fazer suas escolhas, mas é prisioneiro das consequências.

A timidez é uma condição alheia ao coração, uma categoria, uma dimensão que desemboca na solidão.

Amo seus pés porque caminharam sobre a terra e sobre o vento e sobre a água, até que me encontraram.

Esqueçamos com generosidade aqueles que não nos podem amar.

Esqueçamos com generosidade aqueles que não nos podem amar.

Para que nada nos separe, que nada nos una.

E a minha voz nascerá de novo, talvez noutro tempo sem dores, e nas alturas arderá de novo o meu coração ardente e estrelado.

Sentir o amor das pessoas que nós amamos é um fogo que alimenta a nossa vida.

Sentir o amor das pessoas que nós amamos é um fogo que alimenta a nossa vida.

Amor, quantos caminhos até chegar a um beijo, que solidão errante até tua companhia!

E quando você aparecer ouvem-se todos os rios em meu corpo, agitam-se os céus, os sinos e um hino enche o mundo.

Num único beijo saberás tudo aquilo que tenho calado.

Num único beijo saberás tudo aquilo que tenho calado.

Sobre a terra, antes da escrita e da imprensa, existiu a poesia.

Já não sou sem ti senão apenas teu sonho.

Quero fazer contigo o que a primavera faz com as cerejeiras.

Quero fazer contigo o que a primavera faz com as cerejeiras.

Gosto quando te calas porque estás como que ausente, e me escutas de longe, e minha voz não te tocas. Parece que os olhos tivessem de ti voado, e parece que um beijo te fecharás a boca.

Sempre, sempre te distancias entre as tardes onde o crepúsculo corre maculando as estátuas.

A noite está estrelada, e tiritam, azuis, os astros, ao longe.

A noite está estrelada, e tiritam, azuis, os astros, ao longe.

Já não a quero, é verdade, mas talvez a quero.

Que importa que meu amor não pudesse guardá-la. A noite está estrelada e ela não está comigo. Isso é tudo.

A vida não começa quando se nasce, começa quando se ama.

A vida não começa quando se nasce, começa quando se ama.

Refugiei-me na poesia com ferocidade de tímido.

Entre fogos violentos, voltando sozinho lá estava eu sem rosto. E fui tocado.

Abro mão da primavera para que continues me olhando.

Abro mão da primavera para que continues me olhando.

Amo-te e não te amo como se tivesse nas minhas mãos a chave da felicidade e um incerto destino infeliz.

Não quero dormir sem teus olhos. Não quero ser, sem que me olhes.

Te amo, beijo em tua boca a alegria.

Te amo, beijo em tua boca a alegria.

Certamente as frases de Pablo Neruda te fizeram sentir o amor, em sua forma mais genuína. Que tal se declarar para a pessoa amada? Confira também frases de amor incondicional que são perfeitas para isso!