Ressentimentos

Por que, meu amigo, neste momento trazes no coração, na alma, tanto ressentimento? Ressentimento que se transforma em raiva, que se transforma em rancor, que se transforma em ódio e que envolve todo o teu ser em energias negativas que te embotam o pensamento, que te corroem a alma, que te tiram o discernimento, a razão, o bom senso, o sono, o sossego… E te deixam nesta inquietude, neste desespero, atraindo para ti tantas outras energias mais negativas que as tuas próprias. Pensas alcançar teu objetivo? Às vezes alcanças, quase sempre alcanças… Mas o mal maior que estás fazendo, é para ti mesmo.

Então, neste momento, volta os olhos para dentro do teu próprio coração. Plantaste, na verdade, tudo aquilo que estás colhendo agora. Não és o ofendido, foste o ofensor. E por isto, neste momento, sofres desta maneira.

Recuar, retroceder, reerguer-te, tentar abrir uma brecha, por menor que seja, de reconhecimento das tuas falhas, neste momento, será uma pequena luz que adquirirás. E com este trabalho, voltado para ti mesmo, revendo todos os teus passos, julgando a ti próprio e não àquele a quem odeias, verás como o alívio virá. Verás como é bom reconhecer, verás como é bom aceitar, verás como o perdão traz a tranquilidade, traz a paz, traz energias renovadoras que, com certeza, far-te-ão um grande bem.

Reflete e melhora-te. Não julgues, porque não és julgado.

Perdoa!

0
Mensagens relacionadas
O distraído
Esta breve mensagem tem um único e puríssimo objetivo que é o de te pedir desculpas. Tu sabes que...
Não quero mais continuar ausente
Prefiro acreditar que não nos dissemos adeus, mas que nos separamos para que o destino nos dê um reencontro...
Desculpe
Desculpe se te fiz sofrerNão foi o que eu quis fazer. Desculpe se eu sou assimMas não quero que...
Desculpe por te amar tanto
Hoje ao me despertar, quando abri para o mundo a janela do meu quarto sem querer, sem sentir, eu...